Jornal de Goiás – Bolsonaro pede apoio de governadores para aprovar reforma da Previdência

O presidente Jair Bolsonaro pediu apoio dos governadores, pela aprovação da reforma da Previdência, durante o café da manhã na residência oficial do Senado, em Brasília.

Bolsonaro disse que estão todos, estados e União, no mesmo barco e que o governo pode ceder, caso necessário.

Assim que o presidente deixou o encontro, o anfitrião do café, presidente do Senado, Davi Alcolumbre, adiantou que o assunto da reunião era a demanda dos governadores, que buscam celeridade nas questões financeiras, para ajustar as contas, em contrapartida ao apoio à reforma da Previdência.

Alcolumbre ainda disse que todos os governadores do Nordeste, mais críticos à proposta da reforma, também estão cientes da importância da aprovação do projeto.

Mas o governador do Maranhão, Flávio Dino, mencionou que ao assunto não é uma unanimidade, entre os gestores do Nordeste, devido a pontos específicos da reforma.

Além disso, Dino ressaltou que a mobilização dos governadores, pela aprovação da reforma, não deve acontecer, enquanto governo federal e legislativo não se mobilizarem pela agenda federativa.

Durante o café, foi entregue ao presidente Bolsonaro e aos presidentes do Senado, Davi Alcolumbre e da Câmara, Rodrigo Maia, uma carta assinada pelos governadores, que menciona uma pauta mínima, em seis pontos. Entre eles estão a recuperação fiscal dos estados, a reestruturação FUNDEB, fundo de manutenção e desenvolvimento da educação básica.

Também pedem a securitização das dívidas estaduais, a renegociação da cessão onerosa do petróleo e aprovação da PEC que prevê a redistribuição do FPE, Fundo de Participação dos Estados.

Segundo os governadores, a aprovação da reforma da Previdência precisa ser encaminhada junto com o andamento dessas demandas dos estados.

Também participaram do encontro, 20 senadores, incluindo líderes, governadores e vices de 25 unidades da federação, menos dos estados do Paraná e Amazonas.

Avalie esta postagem
Mostre mais

# EBC

EBC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo