Jornal de Goiás – Iraque tem planos de contingência caso importações de gás do Irã sejam paralisadas

O Iraque tem planos de contingência para qualquer paralisação das importações de gás iraniano, mas espera que tal interrupção não ocorra, disse o ministro do Petróleo, Thamer Ghadhban, nesta quinta-feira.

Ele também disse que a próxima reunião do comitê de monitoramento ministerial da Opep na Arábia Saudita deve avaliar o comprometimento dos Estados membros com a atual redução da produção e que os atuais preços e mercados de petróleo estão estáveis.

A Turquia pediu que ao Iraque para comprar mais de seu petróleo, acrescentou Ghadhban, falando a jornalistas em Bagdá, um dia depois que o primeiro-ministro iraquiano, Adel Abdul Mahdi, viajou à Turquia para se encontrar com o presidente Tayyip Erdogan.

Os comentários de Ghadhban vêm em momento em que os Estados Unidos aumentam a pressão sobre o Irã, vizinho e aliado do Iraque, especialmente sobre as exportações de petróleo, alvo de sanções.

O Iraque depende muito das importações de gás iraniano para o fornecimento de eletricidade, que sofre com uma demanda maior do que o habitual durante os meses quentes do verão.

A falta de eletricidade foi uma queixa dos manifestantes em protestos que acabaram em violência no centro de petróleo de Basra, no Iraque, no ano passado.

Avalie esta postagem
Mostre mais

# Reuters

Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo