BrasilSaúde

Meninos receberão vacina contra HPV

Meninos receberão vacina contra HPV
Avalie esta postagem

Meninos podem vacinar contra HPV a partir deste ano

Por Folha de Goiás

 

O Ministério da Saúde informou que a partir desta semana, meninos de 12 a 13 anos já podem ser vacinados na rede pública contra o HPV. Até então, a vacina era indicada apenas para meninas de 9 a 13 anos.

Também serão vacinados cerca de 99.500 crianças e jovens de 9 a 26 anos que contraíram o vírus HIV.

Ao todo, foram adquiridas 6 milhões de doses que serão disponibilizadas nas unidades de saúde. A expectativa é vacinar 3,6 milhões de meninos até o fim deste ano.

Inicialmente, somente meninos de 12 a 13 anos irão receber a vacina. Até 2020, o Ministério da Saúde pretende ampliar a faixa etária de vacinação até atingir todos os meninos de 9 a 13 anos .

O cronograma da vacinação

• 2018: meninos de 11 a 12 anos,
• 2019: meninos de 10 a 11 anos
• 2020: meninos de 9 a 10 anos

Para as meninas de 9 a 13 anos, a vacina continua a ser recomendada, como já vinha ocorrendo nos anos anteriores. Mas a partir deste ano, meninas de 14 anos que não tomaram a vacina ou não completaram o esquema vacinal também poderão receber a imunização. Segundo o Ministério da Saúde, a estimativa é que 500 mil meninas dessa faixa etária estejam com doses em atraso.

DOSES

Em geral, a vacina contra o HPV é aplicada em duas doses, com intervalo de seis meses . Para portadores de HIV, no entanto, são indicadas três doses, com intervalos de dois meses para a segunda dose e de seis, para a terceira.

O objetivo da vacinação é proteger os jovens antes de iniciarem a vida sexual. Diminuindo a incidência de câncer de colo de útero, vulva e vagina e também de câncer de pênis, garganta e ânus, complicações relacionadas ao HPV.

MENINGITE C

Além da imunização contra o HPV, a partir deste ano, a vacina contra meningite C será também indicada para adolescentes de 12 a 13 anos de ambos os sexos.

 
vacina, HPV, meningite c, HIV,câncer colo de útero,calendário de vacinas
Ministério da Saúde, Saúde,notícias, Brasil,Vacinação

Deixe uma resposta

Close