conecte-se conosco

Agricultura

Jornal JA 7 – Ministério da Agricultura prevê crescimento de 27% na produção de grãos do país na próxima década

Publicada

em

Segundo estudo do Mapa, o volume de produção de grãos chegará a 318 milhões de toneladas em 2029/2030. A produção de proteínas terá um aumento de 23,8% no período

Em 28 de julho de 1860, o Imperador D. Pedro II assinou o decreto Nº 1.067, criando a Secretaria de Estado dos Negócios da Agricultura, Comércio e Obras Públicas, hoje denominado Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que  completou na terça-feira (28) 160 anos.

Ao longo do Império, a Secretaria procurou regular as questões relativas à agricultura através de diversas medidas de fomento e modernização da produção. A lavoura no período monárquico dividiu-se em duas produções: açucareira no Nordeste e a cafeeira no Centro-Sul. Além disso, havia áreas menores dedicadas ao cultivo de outros produtos, como o algodão no Nordeste, que constituía a base da economia maranhense, o fumo na região de Cachoeira e Santo Amaro na Bahia e em alguns municípios de Alagoas e Sergipe e também a cultura do cacau no sul da Bahia e em algumas áreas do Pará.

Hoje, a agricultura se expandiu, se modernizou e o Brasil se tornou uma potência agroambiental. O agronegócio é responsável por 21% do Produto Interno Bruto (PIB) e 20% dos empregos no país. O Brasil exporta para mais de 200 países e 1,5 bilhão de pessoas têm algum alimento no seu prato que vem da nossa agropecuária.

O Brasil é o terceiro maior exportador mundial de produtos agrícolas e o principal produtor e exportador de produtos importantes como, açúcar, café, suco de laranja, soja em grãos e carnes. Tudo isso aliado a práticas de sustentabilidade e preservação ambiental, seguindo a exigência mundial para que a demanda por alimentos seja atendida com impacto ambiental mínimo e baixo custo.

Neste dia em que o Mapa completa 160 anos, queremos celebrar  não apenas o passado e o presente, mas também projetar o futuro. Na próxima década, a produção de grãos do Brasil deverá aumentar 27%; a de carne bovina, 16%; a de carne suína, 27%, e a de carne de frango crescerá 28%. Os dados constam das Projeções do Agronegócio, Brasil 2019/20 a 2029/30, atualizado anualmente com base nas informações que abrangem o período de 1994 até maio deste ano. O estudo é realizado pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, pela Secretaria de Inteligência e Relações Estratégicas da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e pelo Departamento de Estatística da Universidade de Brasília (UnB).

O relatório aponta que a agropecuária brasileira tem um cenário promissor para os próximos dez anos, apesar da ocorrência da pandemia do Covid-19, que afetou a trajetória da economia nacional ao longo deste ano e atingiu algumas atividades agropecuárias, como as das hortaliças, frutas e leite. “A pandemia, entretanto, não afetou a safra de grãos e a produção e distribuição de carnes bovina, suína e de aves”, ressalta José Garcia Gasques, coordenador-geral de Avaliação de Política da Informação do ministério e um dos coordenadores das projeções.

Na projeção para a próxima década, o Brasil vai saltar dos atuais 250,9 milhões de toneladas em 2019/20  (de acordo com levantamento da Conab de maio/2020) para 318,3 milhões de toneladas, incremento de 27% à produção nacional. Algodão, milho de segunda safra e soja devem continuar puxando o crescimento da produção de grãos.

A área plantada de grãos deve expandir de 65,5 milhões de hectares para 76,4 milhões de hectares em 2029/30, alta de 16,7%. Levando-se em consideração a área total plantada com as lavouras, incluindo grãos, cana de açúcar, cacau, café, laranja, frutas e mandioca, o país deve passar de 77,7 milhões de hectares (2019/20) para 88,2 milhões (2029/30), alta de 13,5%. A necessidade adicional de áreas pode ser atendida através da substituição de culturas, redução de pastagens e sistema de plantio direto.

Algumas lavouras, como mandioca, café, arroz, laranja e feijão devem perder área, mas a redução será compensada por ganhos de produtividade. As projeções também indicam tendência de redução de área de pastagem nos próximos anos.

O estudo aponta que o desenvolvimento da produção agrícola no Brasil deve continuar ocorrendo com base na produtividade. É projetado um crescimento da Produtividade Total dos Fatores (PTF) de 2,93% ao ano, até 2030. Este valor é resultado da análise das tendências na redução de mão de obra ocupada, redução da área plantada devido aos ganhos de produtividade da terra e aumento do uso de capital.

“A área plantada de grãos vai aumentar 16,7% e a produção deve aumentar 27%. Isso significa que o crescimento vai se dar pelos ganhos de produtividade. Mesmo nas áreas de fronteira, a produtividade vai puxar o crescimento, não a área. Mesmo quando usamos um indicador mais completo para a produtividade, a taxa prevista é elevada”, comenta Gasques.

A expansão da agropecuária exigirá investimentos em infraestrutura, pesquisa e financiamento, assinala o estudo. De acordo com Gasques, a pesquisa tem por objetivo indicar direções de crescimento da agropecuária e fornecer informações aos formuladores de políticas públicas para as tendências dos produtos do agronegócio.

Carnes 

A produção brasileira de carnes (bovina, suína e aves), entre 2019/20 e 2029/30, deverá aumentar em 6,7 milhões de toneladas. O volume total das carnes passará dos atuais 28,2 milhões de toneladas para quase 34,9 milhões de toneladas, o que significa um acréscimo de 23,8% na produção de proteína no Brasil, com destaques para as carnes suína e de frango.

A tendência da pesquisa aponta um salto de 14,1 milhões de toneladas para 18,1 milhões de toneladas de frango para a próxima década. Já a carne suína, de 4,1 milhões de toneladas para 5,2 milhões de toneladas, em 10 anos. A previsão da carne bovina é de sair de 9,8 milhões de toneladas para 11,4 milhões de toneladas.

Projeções regionais 

O trabalho apresenta também projeções regionais para o setor rural. Mato Grosso deve continuar liderando a expansão da produção de milho e soja no país.

De acordo com o coordenador da pesquisa, o estudo indica que os maiores aumentos de produção e de área da cana-de-açúcar devem ocorrer nos estados de Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais. “Mas São Paulo, como maior produtor nacional, também, projeta expansão elevada de produção e de área desse produto”, afirma Gasques.

Matopiba 

A região denominada Matopiba, que compreende o bioma Cerrado dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, deverá apresentar aumento da área e da produção de grãos. “É uma região com grande potencial e que merece bastante atenção das políticas públicas para se desenvolver”, prevê o coordenador. As projeções indicam que essa região deve produzir 32,7 milhões de toneladas em uma área de quase 9 milhões de hectares ao final da década estudada.

De acordo com a pesquisa, o crescimento com base na produtividade deverá ocorrer em quase todas as regiões do país, especialmente nas regiões novas, como o Matopiba.

Tendências no comércio internacional 

No contexto internacional, o Brasil deve continuar sendo, junto com os Estados Unidos, um dos maiores produtores e exportadores de alimentos. Considerado grande supridor de alimento com qualidade e com sustentabilidade para o mundo.

Nas carnes, haverá forte pressão do mercado internacional, especialmente de carne bovina e suína, embora o Brasil continue liderando o mercado internacional do frango.

O Brasil deverá participar com quase 52% das exportações mundiais de soja, 35,3% da carne de frango, 23,2% das exportações de milho, 22,7% do algodão e 9,7% das exportações de carne suína.

Entre os produtos com destaque no aumento das exportações na próxima década estão o açúcar, que passará de 15,98 milhões de toneladas em 2019/20 para 25,23 milhões de toneladas em 2029/30 (alta de 57,9%) e o algodão, com aumento de 41,6%. A exportação de milho deve passar de 34,5 milhões de toneladas para 44,5 milhões no período, alta de 29,1%.

A carne de frango deverá ter um incremento de 34,3% nas exportações e a carne suína 36,8%. As frutas também têm destaque, com aumento nas exportações de manga (57,6%), melão (47,6%) e maçã (43,4%).

Agricultura Familiar nas projeções 

Atividades como floricultura e horticultura têm grande destaque na agricultura familiar. Também na produção de carnes, especialmente, suína e de frango, são marcantes nesse segmento agrícola. Outras atividades como o café, leite e frutas, também são atividades de predominância familiar, além de lavouras como o fumo e a mandioca.

Algumas projeções da agricultura familiar na produção do próximo decênio podem chegar a 11,4 milhões de toneladas de mandioca, 24,5 milhões de toneladas de café, 745,2 milhões de toneladas de fumo, 2,69 milhões de toneladas de carne suína, 8,36 milhões de carne de frango, e 20,3 bilhões de litros de leite.

Soja, feijão e milho são as atividades onde a agricultura familiar tem menor participação. Isso pode ocorrer devido à produção em larga escala e ao uso de tecnologia.

Leia a íntegra da pesquisa aqui.

Informações: MAPA

Redação. Os conteúdos publicados no Portal JA7 são de responsabilidade dos autores e não refletem necessariamente a opinião do veículo, sendo todo material de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.

Continue lendo
Clique para comentar

Você deve estar logado para postar um comentário em Login

Deixe uma resposta

TV JA7

Brasilagora

Jornal JA7 – Prospera amplia parceria para capacitação de pequenos produtores de milho do Nordeste

Brasilagora

Jornal JA7 – Normativo simplifica o empreendedorismo no Brasil

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Aprovado projeto-piloto para contratação do seguro rural vinculado ao Pronaf

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Prospera expande parceiros para capacitação de pequenos produtores de milho do Nordeste

Brasilagora

Jornal JA7 – Inscrição no programa Para Mulheres na Ciência da Unesco termina hoje

Brasilagora

Jornal JA7 – Covid-19: Rio de Janeiro suspende vacinação de grávidas por falta de doses

Agronegócioagora

Jornal JA7 – Audiências públicas virtuais sobre concessão de Terminais Pesqueiros Públicos

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e Movimento Brasil Competitivo firmam parceria para desenvolver programa de modernização da fiscalização agropecuária

Agronegócioagora

Jornal JA7 – Exportações brasileiras de leite, produtos lácteos e gergelim ao México – Nota conjunta Mapa e MRE

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Agro Fraterno será o maior programa de distribuição de cestas no Brasil, diz ministra

Brasilagora

Jornal JA7 – Crédito imobiliário da Caixa cresceu 41% neste ano

Brasilagora

Jornal JA7 – BNDES reorganiza diretoria do banco

Brasilagora

Jornal JA7 – Viana, no Espírito Santo, vacinará população de 19 a 49 anos

Brasilagora

Jornal JA7 – Copa América: jogadores farão testes de covid-19 a cada 48 horas

Brasilagora

Jornal JA7 – Prefeitura de SP entrega mais três usinas de oxigênio na capital

Brasilagora

Jornal JA7 – Covid-19: pessoas com 58 anos podem agendar vacinação no DF

Brasilagora

Jornal JA7 – Anvisa aguarda documentos do Butantan para estudo sobre a Butanvac

Brasilagora

Jornal JA7 – Dia Nacional do Teste do Pezinho destaca benefícios do exame

Brasilagora

Jornal JA7 – ABr explica: novo Teste do Pezinho abarca 14 grupos de doenças

Brasilagora

Jornal JA7 – Com restrições, Anvisa autoriza importação de Covaxin e Sputnik V

Brasilagora

Jornal JA7 – Covid-19: mortalidade de gestantes é mais que o dobro da média no país

Brasilagora

Jornal JA7 – Abate de bovinos cai 10,3% no primeiro trimestre do ano

Brasilagora

Usuário alerta sobre Facebook ADS: Não realizem pagamentos através de boleto, pois se a plataforma desativar sua conta eles não fazem o reembolso do dinheiro retido

Brasilagora

Facebook de Mark Zuckerberg, não devolve dinheiro retido para anunciantes mesmo com extrato bancário mostrando que o pagamento foi bem-sucedido

Brasilagora

Jornal JA7 – Pré-sal: Petrobras firma contrato para construção de sétima plataforma

Brasilagora

Jornal JA7 – Covid-19: governo federal vai liberar recursos para atenção primária

Agronegócioagora

Jornal JA7 – IBGE prevê safra recorde de 264,5 milhões de toneladas para 2021

Brasilagora

Jornal JA7 – Covid-19: saiba como comprovar comorbidades para a vacinação

Brasilagora

Jornal JA7 – Rio retoma vacinação de grávidas com CoronaVac e Pfizer

Brasilagora

Jornal JA7 – Capital paulista recebe 273,3 mil doses da vacina da Pfizer

Brasilagora

Jornal JA7 – Produtividade na indústria cai 2,5% no primeiro trimestre, diz CNI

Brasilagora

Jornal JA7 – Queiroga diz que ministério estuda campanha de testagem contra covid

Brasilagora

Jornal JA7 – Eletrobras foi pouco afetada pela pandemia, diz presidente da empresa

Brasilagora

Jornal JA7 – Empresas apostam em economia circular para reduzir impactos ambientais

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Produção de grãos cresce 5,7% e chega a 271,7 milhões de toneladas

Brasilagora

Jornal JA7 – Petrobras assina contrato de venda de campo terrestre no Nordeste

Brasilagora

Jornal JA7 – Cientistas investigam pessoas imunes à covid-19

Brasilagora

Jornal JA7 – Setor de serviços recua 4% de fevereiro para março

Brasilagora

Jornal JA7 – BNDES tem lucro de R$ 9,8 bilhões no trimestre

Brasilagora

Jornal JA7 – Perfil genético torna paciente mais suscetível à covid-19, diz estudo

Brasilagora

Jornal JA7 – SP: vacinação de motoristas e cobradores de ônibus já começou

Brasilagora

Jornal JA7 – Amapá confirma morte de duas crianças por sarampo

Brasilagora

Jornal JA 7 – Serviço Florestal inicia processo para modelo de concessão florestal na Flona de Capão Bonito (SP)

Brasilagora

Jornal JA 7 – Receita libera hoje 3º lote de restituição do IR para cerca de 4 milhões de contribuintes

Brasilagora

Jornal JA 7 – Trabalhadores do Samu no Rio de Janeiro protestam por pagamento de salários atrasados

Destaqueagora

Jornal JA 7 – Registros de gripe sazonal atingem baixas recordes

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Abertas inscrições para curso online sobre transporte legal de aves

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Ministra Tereza Cristina participa do lançamento da campanha Mulheres Rurais, mulheres com direitos

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Agricultores do Rio Grande do Sul recebem kits de proteção para atividades nas feiras livres

Brasilagora

Jornal JA 7 – Desde 1860, Mapa acompanhou a transformação do setor agrícola brasileiro

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Ministério da Agricultura prevê crescimento de 27% na produção de grãos do país na próxima década

Brasilagora

Jornal JA7 – Anvisa faz alerta sobre túneis e câmaras de desinfecção de pessoas

Brasilagora

Jornais de Goiás – Ministério da Saúde atualiza informações sobre covid-19 no Brasil

Brasilagora

Jornais de Goiânia – Fornecedores da Embraer fazem demissões no interior paulista

Brasilagora

Jornais de Goiânia – Impacto da UnB na economia supera o próprio orçamento

Brasilagora

Jornais de Goiás – Justiça derruba liminar para entrega de respiradores ao Rio de Janeiro

Brasilagora

Jornais de Goiás – Coronavírus: ministro da Saúde reconhece agravamento da situação

Brasilagora

Jornal JA7 – Dólar ultrapassa R$ 5,40 com perspectiva de corte de juros

Brasilagora

Jornal JA7 – Ministério cancela antecipação de 2ª parcela de auxílio emergencial

Brasilagora

Jornais de Goiânia – TSE suspende cancelamento de 2,5 milhões de títulos eleitorais

Brasilagora

Jornais de Goiás – Inep formaliza adiamento do Enem digital para 22 e 29 de novembro

Destaqueagora

Jornal JA7 – Motociclistas venezuelanos protestam pela falta de gasolina

Brasilagora

Jornal JA7 – Internado em estado grave, Aldir Blanc tem suspeita de Covid-19