conecte-se conosco

Brasil

Jornal JA7 – Cientistas investigam pessoas imunes à covid-19

Publicada

em

Imagem/Freepik

Estudo avalia genes envolvidos na resistência ao vírus

Em um estudo divulgado na plataforma medRxiv, pesquisadores brasileiros deram os primeiros passos para entender por que algumas pessoas são naturalmente resistentes à infecção pelo novo coronavírus.

O trabalho se baseou na análise do material genético de 86 casais em que apenas um dos cônjuges foi infectado pelo SARS-CoV-2, embora ambos tenham sido expostos. Os resultados – ainda em processo de revisão por pares – sugerem que determinadas variantes genéticas encontradas com maior frequência nos parceiros resistentes estariam associadas à ativação mais eficiente de células de defesa conhecidas como exterminadoras naturais ou NK (do inglês natural killers).

Esse tipo de leucócito faz parte da resposta imune inata, a primeira barreira imunológica contra vírus e outros patógenos. Quando as NKs são acionadas corretamente, conseguem reconhecer e destruir células infectadas, impedindo que a doença se instale no organismo.

De acordo com a coordenadora do Genoma USP, Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), Mayana Zatz, a hipótese é que as variantes genômicas mais frequentes nos parceiros suscetíveis levem à produção de moléculas que inibem a ativação das células NK. “Mas isso é algo que ainda precisa ser validado por meio de estudos funcionais”, diz Mayana que também é professora do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo.

Estudo

A identificação dos casais e a coleta de material dos voluntários para o estudo foram conduzidas pelo bolsista de pós-doutorado da Fapesp Mateus Vidigal. “O primeiro passo foi fazer um teste sorológico para excluir da amostra eventuais casos assintomáticos [pessoas que, na verdade, haviam sido infectadas, mas não apresentaram sintomas]. Após a triagem, restaram 86 casais de fato sorodiscordantes, ou seja, em que apenas um cônjuge carregava no sangue anticorpos contra o novo coronavírus”, relata Vidigal.

Enquanto no grupo dos suscetíveis havia uma maioria de homens (53 contra 33), as mulheres predominavam entre os resistentes (57 contra 29). Vidigal destaca que a pesquisa foi conduzida antes do surgimento das novas cepas do SARS-CoV-2, consideradas mais transmissíveis. “Não temos certeza de que os achados seriam os mesmos em pessoas expostas à P.1., por exemplo”, pondera.

Apesar de não ter feito parte do estudo, a escaladora de voos Victória Mesquita de Sousa, de 23 anos, conta como o marido foi infectado pelo novo coronavírus, e ela, não. Segundo Victória, em um fim de semana, ambos foram à casa dos pais dele. “Tive contato com eles, nos abraçamos, minha cunhada até espirrou perto de mim. Uma semana depois, minha sogra e a cunhada informaram que tinham testado positivo e até passaram mal com sintomas.”

Victória lembra que, então, ela e o marido foram fazer os exames. “Continuamos temos contato normal, dormimos na mesma cama, bebemos no mesmo copo, não tivemos uma separação, não fizemos isolamento. Só ele testou positivo. Ficou febril, teve dor de cabeça, perda de paladar, dor no corpo, nada muito forte, e tosse, que foi o que permaneceu mesmo depois de um mês. E eu não senti nada, e meu exame deu negativo. Ficamos isolados do trabalho, mas eu continuei trabalhando de casa. Ajudei a cuidar dele, fiquei junto com ele o tempo inteiro,” O marido de Victória, de 33 anos, foi infectado em fevereiro deste ano.

Herança complexa

De acordo com Mayna Zatz, o fato de a resistência ao SARS-CoV-2 ser uma característica relativamente comum na população – diferentemente do HIV, causador da aids, por exemplo – fala a favor de uma herança genética complexa, na qual muitos genes estão envolvidos.

“Isso significa que, para achar algo significativo ao olhar o genoma como um todo, seria preciso ter uma amostra gigantesca, com mais de 20 mil voluntários. Decidimos, então, focar em dois grandes grupos de genes relacionados com a resposta imune: o complexo principal de histocompatibilidade [MHC, na sigla em inglês] e o complexo de receptores leucocitários [LRC]. São os genes do MHC que definem, no caso de um transplante, por exemplo, se dois indivíduos são compatíveis, ou não”, explica a pesquisadora.

Mesmo com esse filtro, a tarefa estava longe de ser trivial. Alguns dos genes que integram os dois complexos chegam a ter mais de 7 mil formas alternativas, também chamadas de polimorfismos. Um exemplo de polimorfismo são os diferentes tipos sanguíneos. Existem quatro variantes genéticas dentro do sistema ABO: A, B, AB e O. No caso dos complexos MHC e LRC, alguns genes têm milhares de variantes”, ressalta a pesquisadora.

Para ajudar na empreitada, o grupo do IB-USP estabeleceu colaboração com Erick Castelli, pesquisador da Faculdade de Medicina da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Botucatu. Recentemente, com apoio da Fapesp, Castelli desenvolveu métodos computacionais que facilitam o estudo dos complexos MHC e LRC.

“Imagine que você está tentando montar um quebra-cabeça [o genoma] com base em uma única referência, mas há várias peças muito parecidas e milhares de possibilidades para a mesma peça, com alterações muito sutis entre elas, tornando impossível saber onde cada uma se encaixa. O algoritmo se baseia em milhares de sequências já descritas para esses genes para decidir o local de cada peça, fazendo a montagem do genoma de forma muito mais detalhada. O método também permite inferir qual é a sequência de cada cromossomo e qual proteína seria produzida a partir de cada gene”, diz Castelli.

A análise do complexo MHC indicou que variantes de dois genes – conhecidos como MICA e MICB – parecem influenciar a resistência ao SARS-CoV-2. Segundo Castelli, a expressão desses genes normalmente aumenta quando as células estão sob algum tipo de estresse, e isso leva à produção de moléculas que se ligam a receptores das NK, sinalizando que tem algo errado com aquela célula.

“No caso do MICA, o polimorfismo mais frequente nos indivíduos infectados aparentemente faz com que a proteína codificada por esse gene seja produzida em maior quantidade, possivelmente na forma solúvel, o que inibe a ativação das células NK. No caso do MICB, entre os suscetíveis, foi 2,5 vezes mais frequente uma variante associada à menor expressão do RNA mensageiro que codifica a proteína ativadora de NK. Os dois caminhos, portanto, levariam à menor ativação dessa barreira imunológica”, acrescenta o pesquisado. Ele destaca que, no complexo LRC, foram identificadas variantes de interesse nos genes LILRB1 e LILRB2. “Nos indivíduos infectados, foi cinco vezes mais frequente uma variante do LILRB1 que, pela nossa análise, levaria à maior expressão de receptores que inibem a ação das células NK.”

As hipóteses referentes ao papel de cada polimorfismo na resistência ou suscetibilidade ao SARS-CoV-2 foram elaboradas em parceria com um grupo de pesquisadores do Instituto do Coração (InCor) liderados por Edécio Cunha Neto.

“De modo geral, os indivíduos suscetíveis teriam variantes genéticas que resultariam em uma resposta de células NK mais fraca, enquanto, nos resistentes, a resposta seria mais robusta. Há diversos testes que podem ser feitos para comprovar essa hipótese. Um deles é incubar o SARS-CoV-2 com células do sangue periférico de indivíduos suscetíveis e resistentes e observar como varia em cada caso a ativação das células NK”, sugere Cunha Neto.

Ainda que os achados se confirmem, Cunha Neto lembra que há outros mecanismos da resposta imune inata atuando em paralelo para determinar a resistência ao vírus. “Um deles certamente é a capacidade das células de defesa de produzir rapidamente interferons [uma classe de proteínas fundamental para a resposta antiviral]”, afirma.

O artigo Immunogenetics of resistance to SARS-CoV-2 infection in discordant couples pode ser lido na plataforma medRxiv.

A pesquisa teve apoio da Fapesp.

*O texto foi originalmente publicado por Agência Fapesp de acordo com a licença Creative Commons CC-BY-NC-ND. O original pode ser lido aqui

EBC. Os conteúdos publicados no Portal JA7 são de responsabilidade dos autores e não refletem necessariamente a opinião do veículo, sendo todo material de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.

Continue lendo
Clique para comentar

Você deve estar logado para postar um comentário em Login

Deixe uma resposta

TV JA7

Brasilagora

Jornal JA 7 – Petrobras assina contrato para venda da Gaspetro

Brasilagora

Jornal JA 7 – Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em novembro

Brasilagora

Jornal JA 7 – TCU aprova concessão da via Dutra e da Rio Santos

Brasilagora

Jornal JA 7 – Covid-19: Rio de Janeiro vacina população adulta jovem da favela da Maré

Brasilagora

Jornal JA 7 – Mudanças sobre lavagem de dinheiro são regulamentadas pelo BC

Brasilagora

Jornal JA 7 – MP com novo programa social sai no início de agosto, diz ministro

Brasilagora

Jornal JA 7 – Dívida Pública Federal sobe 3% em junho e vai para R$ 5,33 trilhões

Brasilagora

Jornal JA 7 – Heinze assume vaga de titular na CPI após saída de Ciro Nogueira

Brasilagora

Jornal JA 7 – USP oferece cursos gratuitos e online na área de humanidades

Brasilagora

Jornal JA 7 – Com 60% da população vacinada, mortes e casos de covid-19 caem 40%

Brasilagora

Jornal JA 7 – Covid-19: quem escolher vacina na cidade de SP vai para o fim da fila

Brasilagora

Jornal JA 7 – Rio de Janeiro retoma aplicação da primeira dose contra covid-19

Brasilagora

Jornal JA 7 – SP aumenta horário do comércio e capacidade de ocupação para 80%

Brasilagora

Jornal JA 7 – Exportações brasileiras de rochas ornamentais sobem 44% no 1º semestre

Brasilagora

Jornal JA 7 – Estado do Rio de Janeiro autoriza 59 cidades a retomarem aulas híbridas

Brasilagora

Jornal JA 7 – USP, Unesp e Unicamp iniciarão semestre com aulas remotas

Brasilagora

Jornal JA 7 – Rio de Janeiro deve retomar aplicação da primeira dose contra covid-19 na quinta

Brasilagora

Jornal JA 7 – Covid-19: país ultrapassa 550 mil mortes e tem 19,7 milhões de casos

Brasilagora

Jornal JA 7 – Debêntures incentivadas alcançam R$ 5,5 bilhões em junho

Brasilagora

Jornal JA 7 – MEC recomenda volta às aulas presenciais

Brasilagora

Jornal JA 7 – Presidente Jair Bolsonaro assina propostas de projeto de lei em favor da família

Brasilagora

Jornal de Goiânia – AGU regulamenta acordo de não persecução em casos de improbidade

Brasilagora

Jornal JA7 – Setor de serviços cresce 1,2%, diz pesquisa do IBGE

Brasilagora

Jornal JA7 – Camex faz reunião extraordinária do Conex e aprofunda o diálogo voltado para agenda de comércio exterior

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Lançada campanha anual para promover os produtos orgânicos no país

Brasilagora

Jornal JA7 – São Paulo inicia vacinação contra a covid-19 de pessoas com 37 anos

Brasilagora

Jornal JA7 – Equipe do Instituto Militar de Engenharia foi vice-campeã da Robocup

Brasilagora

Jornal JA7 – Começa hoje o prazo de adesão ao Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Zarc ampliará informações fornecidas aos agricultores até o fim do ano

Brasilagora

Jornal JA 7 – Enade 2021: inscrições vão até o dia 8 de agosto

Brasilagora

Jornal JA7 – Ministério da Economia lança consulta pública para modernizar gestão da frota de veículos por meio de tecnologia

Brasilagora

Jornal JA7 – Leilão de Transmissão nº 1/2021 garante R$ 1,3 bilhão em investimentos, com deságio médio de 48,12%

Brasilagora

Jornal JA 7 – Debêntures incentivadas alcançam R$ 5,5 bilhões em junho

Brasilagora

Jornal JA7 – Mutirão de saúde leva atendimentos para indígenas no Xingu

Brasilagora

Jornal JA7 – como funcionam as bandeiras tarifárias

Brasilagora

Jornal JA7 – Governo não vê necessidade de prorrogação do BEm, diz secretário

Brasilagora

Jornal JA7 – Guedes diz que governo pode reduzir ainda mais alíquota de IRPJ

Agriculturaagora

Jornal JA7 – Embrapa realiza curso sobre pecuária de leite para jornalistas

Brasilagora

Jornal JA 7 – Covid-19: Brasil registra 19,4 milhões de casos e 545,6 mil mortes

Brasilagora

Jornal JA7 – Ministério lança plano para fortalecer residências em saúde

Brasilagora

Jornal JA7 – SP antecipa para quinta-feira vacinação da faixa etária de 39 anos

Brasilagora

Jornal JA7 – Lei do Governo Digital entra em vigor com foco na eficiência e inovação

Brasilagora

Jornal JA 7 – Serviço Florestal inicia processo para modelo de concessão florestal na Flona de Capão Bonito (SP)

Brasilagora

Jornal JA 7 – Receita libera hoje 3º lote de restituição do IR para cerca de 4 milhões de contribuintes

Brasilagora

Jornal JA 7 – Trabalhadores do Samu no Rio de Janeiro protestam por pagamento de salários atrasados

Destaqueagora

Jornal JA 7 – Registros de gripe sazonal atingem baixas recordes

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Abertas inscrições para curso online sobre transporte legal de aves

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Ministra Tereza Cristina participa do lançamento da campanha Mulheres Rurais, mulheres com direitos

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Agricultores do Rio Grande do Sul recebem kits de proteção para atividades nas feiras livres

Brasilagora

Jornal JA 7 – Desde 1860, Mapa acompanhou a transformação do setor agrícola brasileiro

Agriculturaagora

Jornal JA 7 – Ministério da Agricultura prevê crescimento de 27% na produção de grãos do país na próxima década

Brasilagora

Jornal JA7 – Anvisa faz alerta sobre túneis e câmaras de desinfecção de pessoas

Brasilagora

Jornais de Goiás – Ministério da Saúde atualiza informações sobre covid-19 no Brasil

Brasilagora

Jornais de Goiânia – Fornecedores da Embraer fazem demissões no interior paulista

Brasilagora

Jornais de Goiânia – Impacto da UnB na economia supera o próprio orçamento

Brasilagora

Jornais de Goiás – Justiça derruba liminar para entrega de respiradores ao Rio de Janeiro

Brasilagora

Jornais de Goiás – Coronavírus: ministro da Saúde reconhece agravamento da situação

Brasilagora

Jornal JA7 – Dólar ultrapassa R$ 5,40 com perspectiva de corte de juros

Brasilagora

Jornal JA7 – Ministério cancela antecipação de 2ª parcela de auxílio emergencial

Brasilagora

Jornais de Goiânia – TSE suspende cancelamento de 2,5 milhões de títulos eleitorais

Brasilagora

Jornais de Goiás – Inep formaliza adiamento do Enem digital para 22 e 29 de novembro

Destaqueagora

Jornal JA7 – Motociclistas venezuelanos protestam pela falta de gasolina

Brasilagora

Jornal JA7 – Internado em estado grave, Aldir Blanc tem suspeita de Covid-19